OPINIÃO: Sou contrário ao golpe pelo direito de existência de “mortadeleiros” e “coxinhas”

(Marco ASA) – As pessoas não estão dando a devida importância ao que está acontecendo. Não se trata apenas de tirar o governo de esquerda e colocar o de direita. O Brasil corre o risco de ser o mot…

Fonte: OPINIÃO: Sou contrário ao golpe pelo direito de existência de “mortadeleiros” e “coxinhas”

Anúncios

Um pensamento sobre “OPINIÃO: Sou contrário ao golpe pelo direito de existência de “mortadeleiros” e “coxinhas”

  1. Grande Marco. Particularmente penso que a questão é limpar, um por um. É claro que muitos, grande maioria do próprio governo, cometeram crimes, e lesaram a sociedade, e nunca antes no MUNDO se viu esquemas de corrupção com tamanha proporção. Acredito que é consenso que todos os responsáveis, devem pagar pelos crimes que cometeram. Já o termo “Golpe” que o governo se agarrou, é uma estratégia, para sair como vítima e voltar forte em 2018, e esta estratégia é na realidade, muito boa por sinal. Entretanto, esse termo “golpe” não parece fazer sentido para o que está acontecendo. Primeiramente porque está sendo divulgado 24 horas todo o processo, pode-se acompanhar todas as argumentações de parte a parte, nada está sendo feito na calada da noite 😀 Até está, mas com cobertura completa, por outro lado, o impeachment é um processo político e não exclusivamente judicial, ou seja, se existe uma possibilidade de um presidente ter cometido um crime contra o povo, afasta-se o presidente para se investigar, se for absolvido, reassume o governo. Simploriamente, isto é o impeachment. A presidente foi eleita pelo povo com pouquíssima coisa mais do que a metade, e a questão em discussão é que este governo sim, conquistou os pouquíssimos votos necessários, “vendendo” uma situação que após virar 2015, revelou-se uma inverdade, ou seja, este sim foi um golpe baixo na população. Mentiu-se sobre a situação real do país, através das pedaladas, dizendo e apresentando contas de que estava tudo bem, quando na verdade haviam endividado o país para “ficar bem na fita” durante as eleições, após as eleições, pagou-se a conta e a crise explodiu de vez. Isso sim foi um golpe, mas nem uma coisa, nem outra trata-se de “golpe de estado”. De qualquer forma, foi uma ótima estratégia para conquistar o povo de bem, mas que, entretanto, acaba sendo um pouco menos politizado. De um jeito, ou de outro, fomos lesados, nossos impostos que foram pagos com muito suor e trabalho, acabaram destinados a obras em Cuba, Venezuela, e que tais, e uma parte gigantesca foi surrupiada em articulações para eleições, e benefícios à apadrinhados e amigos, em resumo, dinheiro nosso, suado e roubado através de mensalões, petrolões e sabe-se lá o que mais ainda ira desabrochar das investigações. Sinceramente, depois de ver Zé Dirceu preso, acredito na justiça, e que todos, sejam do PT, PSDB ou PQP, acabem sendo pegos, um a um, assim, após sairem todos os corruptos com poder, teremos uma folha em branco para re-escrever nossa história com um pouquinho mais de experiência.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s